Toggle navigation

#jewish983,572 POSTS

Post Content
Little Brother Matthew and Big Brother Spencer just celebrated their five year match anniversary! Congrats!
If @facebook has taught me one thing

It is this @zuck & @realdonaldtrump

I am not so different, I am not alone.

There are others like me, who feel exactly the same

I am a @jewishvoiceforpeace @jewishbreakingnews @jewishway @jewish_phenomenon @jewishstudents
@world.jewish.heritage @thatjewishmoment #JewishPress #jewish #jewishlife #zealot by choice. ✡✡✡ And there are many, many more others just like me around the #world #worldstar #earthpix #globetrotter ✡✡✡
Tissue type is inherited, like eye or hair color. The best chance of finding a genetic match lies with those of similar race and ethnicity.
Meet Erin Steibel from our Young Professional division! Interested in getting to know one of our fantastic Educators? Want to get set up with a learning partner or just meet for coffee? Call our office at 248-583-2476 or email us at info@partnersdetroit.org @erinstiebel #PartnersDetroit #MeettheEducatorMonday #MEM #ShowYourTargetLove #WeeklyTorahPortion #minuteofinspiration #Faith #Trust #Love #Jewish #Detroit #Partners #Community
Queria deixar uma dica de documentário que assisti esses dias: One of Us (Netflix). Tudo nele é fascinante: a fotografia, o tema, os aspectos culturais/religiosos mostradas, as histórias ali divididas. As diretoras são Heidi Ewing e Rachel Grady, acalmadas pelos também maravilhosos documentários Jesus Camp e Detropia. Em One of Us, elas investigam a comunidade judaica hassídica, formada por judeus ultraortodoxos que migraram da Europa Oriental para o Brooklyn na época da IIGM. Eles são extremamente fechados, falam inglês misturado com yiddish (uma mistura de hebraico com alemão), só convivem entre si, têm suas próprias escolas, polícia, sistema judiciário e sistema de saúde - ou seja, quase um Estado dentro de outro Estado! E isso bem em Nova Iorque, nos dias de hoje. Me lembrou muito os mórmons fundamentalistas, que ocupam os estados do Arizona, Colorado, Novo México e British Columbia, e são também praticamente outro Estado dentro dos EUA/Canadá, com seus próprios sistemas e leis. Nas terras deles o Estado não entra, não legisla, não regula e não pune. Os judeus hassídicos se vestem até hoje como seus ancestrais, têm casamentos arranjados e só os homens têm voz. Apenas é permitida a leitura livros religiosos na comunidade. Na escola, os livros infantis que mostram desenhos de meninas são rabiscados, porque a mulher é inferior, pecadora, etc e não é digna de ser representada. Quem tenta "escapar" é perseguido, perde a guarda dos filhos e o contato com familiares e amigos. Saem dessa prisão em NY e têm que aprender a viver novamente a "NY lá fora". É fascinante, instigante, questionador. Vocês já assistiram? Conheciam os judeus hassídicos ou os mórmons fundamentalistas? Ah, eu gosto tanto de estudar esse assunto 😊 alguém aí também se interessa? 😍
It’s Monday 😐 don’t cook. Come to Ahuva's Grill and have a delicious meal!!

Hashtags found on this page